quinta-feira, 24 de julho de 2014

Oração e Novena a São Charbel, obediente à ação do Espírito Santo e penitente


video



       Oração para obter graças:

Deus, infinitamente glorificado nos Santos, que inspirastes São Charbel a seguir a solitária vida da perfeição, Vos agradecemos por terdes feito resplandecer a força da Vossa graça, que concedeu a São Charbel a força necessária para afastar-se totalmente do mundo, para fazer triunfar o heroísmo das virtudes monásticas, a pobreza, a obediência e a castidade.
Vos suplicamos, concedei-nos tão grande graça, de amar-Vos e servir-Vos, conforme seu exemplo. Deus que nos mostrastes a poderosa intercessão de São Charbel com numerosas graças e verdadeiros milagres, concedei também a mim a graça (nominar) que Vos peço pela intercessão de São Charbel junto a Vós. Amém.
 




NOVENA A SAO CHARBEL 
 
Primeiro dia:

Ó maravilhoso São Charbel, do vosso corpo exala um perfume que sobe ao céu, vinde em meu auxílio e rogai a Deus por mim a graça de (nominar) da qual tanto necessito, se for realmente para glória de Deus e salvação da minha alma. Amém.
Ó São Charbel, rogai por mim!
Ó meu Senhor, que destes a São Charbel a graça da fé, rogo-Vos conceder, por sua intercessão esta divina graça, a fim de que eu viva segundo os Vossos mandamentos e o Vosso Evangelho.
Pai Nosso, Ave-Maria e Glória
 


Segundo dia:

Ó São Charbel, mártir da vida monástica, que experimentastes a dor do corpo e da alma, Deus, nosso Senhor, fez de vós um farol luminoso. Corro até vós e vos rogo de pedir a Deus, que conceda pela vossa intercessão, esta graça (nominar). Eu confio em vós. Amém.
Ó São Charbel, jarro perfumado, intercedei por mim!
Ó bom Deus, que honrastes a São Charbel conferindo-lhe a graça de obter milagres, tende piedade de mim e concedei-me por sua intercessão aquilo que Vos peço. A Vós a honra para sempre!
Pai Nosso, Ave-Maria e Glória
 


Terceiro dia:

Ó amantíssimo São Charbel, que brilhais no céu da Igreja como uma estrela luminosa, iluminai o meu caminho e fortalecei a minha esperança. Por vosso intermédio peço a graça (nominar). Rogo-vos de implorá-la, por mim, ao Cristo crucificado que vós sempre adorastes.
Ó São Charbel, modelo de paciência e silêncio, intercedei por mim!
Ó Senhor, meu Deus, que santificastes São Charbel ajudando-o a carregar sua cruz, concedei-me a coragem de suportar as dificuldades da vida com paciência e fé, conforme a Vossa vontade, por intercessão de São Charbel. Dou-Vos graças para sempre.
Pai Nosso, Ave-Maria e Glória
 


Quarto dia:

Ó amoroso São Charbel recorro a vós. Meu coração está cheio de confiança em vós. Pela vossa poderosa intercessão junto a Deus, espero pela graça que imploro (nominar). Mostrai-me mais uma vez o vosso amor.
Ó São Charbel, jardim de virtudes, intercedei por mim!
Ó Deus, que concedestes a São Charbel a graça de assemelhar-se a Vós, concedei também a mim, por meio da sua intercessão, crescer nas virtudes cristãs. Tende piedade de mim, para que eu Vos possa louvar para sempre. Amém!
Pai Nosso, Ave-Maria e Glória
 


Quinto dia:

Ó São Charbel, amado de Deus, rogo-vos de iluminar-me, ajudar-me, ensinar-me a fazer tudo aquilo que agrada a Deus. Ó amoroso pai, rogo-vos que vos apresseis em vir em meu auxílio. Rogo-vos de interceder junto a Deus por esta graça (nominar).
Ó São Charbel, amigo da cruz, rogai por mim!
Ó Deus acolhei a minha súplica, por intercessão de São Charbel, e concedei-me a paz. Acalmai a inquietude da minha alma. A Vós louvor e honra para sempre!
Pai Nosso, Ave-Maria e Glória
 


Sexto dia:

Ó São Charbel, poderoso intercessor, rogo-vos de suplicar por mim, pela graça que tanto necessito (nominar). Basta uma única palavra dirigida a Jesus, para que Ele me perdoe, tenha misericórdia de mim e acolha a minha oração. Amém!
Ó São Charbel, alegria do céu e da terra, rogai por mim!
Ó Deus, que escolhestes São Charbel para levar à Vossa divina presença os nossos pedidos, rogo-Vos, por sua intercessão, que me concedais esta graça (nominar). Amém.
Pai Nosso, Ave-Maria e Glória
 


Sétimo dia:

Ó São Charbel, amado por todos, vindes em auxílio de todos aqueles que necessitam de vós. Coloco toda minha confiança em vossa intercessão. Suplicai, por mim, esta graça de que tanto necessito (nominar). Amém!
Ó São Charbel, estrela que orienta quem está perdido, rogai por mim!
Ó Deus, os meus incontáveis pecados impediram que a Vossa graça chegasse a mim. Concedei-me a graça de expiar todos eles. Respondei à intercessão de São Charbel. Daí ao meu triste coração a alegria e acolhei a minha oração, ó oceano de graças. A Vós a honra e o Louvor para sempre. Amém.
Pai Nosso, Ave-Maria e Glória
 


Oitavo dia:

Ó São Charbel, quando vos contemplo de joelhos, jejuando, sacrificando-vos, ou mesmo em êxtase diante do Senhor, minha esperança e fé na vossa intercessão aumentam. Rogo-vos, ajudai-me a fim de que Deus possa conceder-me a graça que imploro (nominar).
Ó São Charbel, plenitude de alegria em Deus, ajudai-me!
Ó doce Jesus, que conduzistes Vosso amantíssimo Charbel à santidade, concedei-me a graça de Vos ser fiel até a morte. Amo-Vos, ó meu Salvador. Amém.
Pai Nosso, Ave-Maria e Glória
 



Nono dia:

Ó São Charbel, cheguei ao final desta novena. Meu coração se alegre quando vos falo. Estou confiante que receberei de Jesus a graça que implorei por vossa intercessão. Me arrependo dos meus pecados e vos prometo de combater as tentações. Espero nas minhas orações (nominar).
Ó São Charbel, coroado de glória, rogai por mim!
Ó Senhor, Vós ouvistes as preces de São Charbel e lhe destes a graça de comunicar-se convosco. Tende piedade de mim no meu desespero, salvai-me da desgraça, porque não sou capaz de suportá-los. Amém.
A Vós honra, louvor e graças para sempre!
Pai Nosso, Ave-Maria e Glória
 
 
Oração diária em honra a São Charbel:

Ó Deus bom, misericordioso e amoroso, prostro-me diante de Vós e, do fundo do meu coração, Vos elevo uma oração de agradecimento por tudo que me concedestes, pela intercessão de São Charbel. Agradeço-vos, ó admirável São Charbel. Não encontro palavras para expressar minha gratidão pelos benefícios recebidos. Ajudai-me sempre, a fim de que seja sempre digno de receber as graças de Deus e de merecer a vossa proteção.  
Pai Nosso, Ave-Maria e Glória



quarta-feira, 23 de julho de 2014

Orações a Santa Brigida, dedicou-se inteiramente ao serviço dos mais necessitados



video



AS 15 ORAÇÕES EM ÁUDIO

                          video


As Quinze Orações

PRIMEIRA ORAÇÃO:  

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus Cristo, doçura eterna para aqueles que vos amam, alegria que ultrapassa toda a alegria e todo o desejo, esperança de salvação dos pecadores, que declarastes não terdes maior contentamento do que estar entre os homens, até ao ponto de assumir nossa natureza, na plenitude dos tempos, por amor deles, lembrai-vos dos sofrimentos, desde o primeiro instante de Vossa Conceição e sobretudo, durante a Vossa Santa Paixão, assim como havia sido decretado e estabelecido desde toda a eternidade na mente divina. Lembrai-vos, Senhor, que, celebrando a Ceia com Vossos discípulos, depois de lhes haverdes lavado os pés, deste-lhes o Vosso Sagrado Corpo e Precioso Sangue, e consolando-os docemente, lhes predissestes vossa Paixão iminente. Lembrai-vos da tristeza e da amargura que experimentastes em Vossa alma, como o testemunhastes, Vós mesmo, por estas palavras: "Minha alma está triste até a morte". Lembrai-vos, Senhor, dos temores, angústias e dores, que suportastes em vosso corpo delicado antes do suplício da cruz, quando, depois de ter rezado por três vezes, derramando um suor de sangue, fostes traído por Judas, vosso discípulo, preso pela nação que escolhestes, acusado por testemunhas falsas, injustamente julgado por três juízes, na flor da vossa juventude e no tempo solene da Páscoa. Lembrai-vos que fostes despojado das vossas próprias vestes e revestido das vestes da irrisão; que vos velaram os olhos e a face, que vos deram bofetadas, que vos coroaram de espinhos, que vos puseram uma cana na mão e que, atado a uma coluna, fostes despedaçado por golpes e acabrunhado de afrontas e ultrajes. Em memória dessas penas e dores que suportastes antes da vossa Paixão sobre a cruz, concedei-me, antes da morte, uma verdadeira contrição, a oportunidade de me confessar com pureza de intenção e sinceridade absoluta, uma adequada satisfação e a remissão de todos os meus pecados. Assim Seja.


       SEGUNDA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, verdadeira liberdade dos Anjos, paraíso de delícias, lembrai-vos do peso acabrunhador de tristeza que suportastes, quando vossos inimigos, quais leões furiosos vos cercaram, e por meio de mil injúrias, escarros, bofetadas, arranhões e outros inauditos suplícios, vos atormentaram à porfia. Em consideração desses insultos e desses tormentos, eu vos suplico, ó meu Salvador, que vos digneis libertar-me dos meus inimigos visíveis e invisíveis e fazer-me chegar, com vosso auxílio, à perfeição da salvação eterna. Assim Seja.


       TERCEIRA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, Criador do Céu e da Terra, a quem coisa alguma pode conter ou limitar, Vós que tudo abarcais e tendes tudo sob vosso poder, lembrai-vos da dor, repleta de amargura, que experimentastes quando os soldados, pregando na cruz vossas sagradas mãos e vossos Pés tão delicados, transpassaram-os com grandes e rombudos cravos, e não vos encontrando no estado que teriam desejado para dar largas à sua cólera, dilataram vossas Chagas, exacerbando assim as vossas dores. Depois por uma crueldade inaudita, vos estenderam sobre a cruz e vos viraram de todos os lados, deslocando, assim, os vossos membros. Eu vos conjuro, pela lembrança desta dor que suportastes na cruz com tanta santidade e mansidão, que vos digneis conceder-me o vosso temor e o vosso amor. Assim Seja.


       QUARTA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, médico celeste, que fostes elevado na cruz a fim de curar nossas chagas por meio das vossas, lembrai-vos do abatimento em vos encontrastes e das contusões que vos infligiram em vossos sagrados membros, dos quais, nenhum permaneceu em seu lugar, de tal modo que dor alguma poderia ser comparada à vossa. Da planta dos pés até o alto da cabeça nenhuma parte do vosso corpo esteve insenta de tormentos; e, entretanto, esquecido de vossos sofrimentos, não vos cansastes de suplicar a vosso Pai pelos inimigos que vos cercavam, dizendo-lhes: "Pai, perdoi-lhes, porque não sabem o que fazem". Por essa grande misericórdia, e em memória desta dor, fazei com que a lembrança de vossa Paixão, tão impregnada de amargura, opere em mim uma perfeita contrição e a remissão de todos os meus pecados. Assim Seja.


       QUINTA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, espelho do esplendor eterno, lembrai-vos da tristeza que sentistes, quando, contemplando à luz da vossa divindade a predestinação daqueles que deveriam ser salvos pelos méritos da vossa santa Paixão, contemplastes, ao mesmo tempo, a multidão dos réprobos que deviam ser condenados por causa de seus pecados e lastimastes amargamente a sorte desses infelizes pecadores, perdidos e desesperados. Por esse abismo de compaixão e de piedade e, principalmente, pela bondade que manifestastes ao bom ladrão, dizendo-lhe: "Hoje estarás comigo no Paraíso", eu vos suplico, ó doce Jesus, que na hora da minha morte, useis de misericórdia para comigo. Assim Seja.


       SEXTA ORAÇÃO:  

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, Rei amável e todo desejável, lembrai-vos da dor que experimentastes quando, nú e como um miserável, pregado, pregado e levantado na cruz, fostes abandonado por todos os vossos parentes e amigos, com excessão de vossa Mãe bem-amada, que permaneceu, em companhia de São João, muito fielmente junto de vós na Agonia; lembrai-vos de que os entregastes um ao outro dizendo: Mulher, eis aí teu filho! e a João: eis aí tua Mãe! Eu vos suplico, meu Salvador, pela espada de dor que então transpassou a alma de vossa santa Mãe, que tenhais compaixão de mim em todas as minhas angústias e tribulações, tanto corporais como espirituais e que vos digneis assistir-me nas provações que me sobrevierem, sobretudo na hora de minha morte. Assim Seja.


       SÉTIMA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, fonte inexaurível de piedade que, por uma profunda ternura de amor, disseste sobre a Cruz: Tenho sede!, mas, sede de salvação do gênero humano. Eu vos suplico meu Salvador, que vos digneis estimular o desejo que meu coração experimenta de tender à perfeição em todas as minhas obras e extinguir, por completo, em mim, a concupiscência carnal e o ardor dos desejos mundanos. Assim Seja.


       OITAVA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, doçura dos corações, suavidade dos espíritos, pelo amargo sabor do fel e do vinagre que provastes sobre a cruz por amor de todos nós, concedei-me a graça de receber dignamente o vosso Corpo e vosso preciosíssimo Sangue durante minha vida e na hora de minha morte, a fim de que sirvam de remédio e de consolo para minha alma. Assim Seja.


       NONA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, virtude real, alegria do espírito, lembrai-vos da dor que suportastes, quando mergulhado na amargura ao sentir aproximar-se a morte, insultado e ultrajado pelos homens, julgastes haver sido abandonado por vosso Pai, dizendo-lhe: Meu Deus, meu Deus, por que me abandonastes? Por essa angústia eu vos conjuro, ó meu Salvador, que não me abandoneis nas aflições e nas dores da morte. Assim Seja.


       DÉCIMA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, que sois em todas as coisas começo e fim, vida e virtude, lembrai-vos de que por nós fostes mergulhado num abismo de dores, da planta dos pés até o alto da cabeça. Em consideração da extensão de vossas chagas, ensinai-me a guardar os vossos mandamentos, mediante uma sincera caridade, mandamentos esses que são caminho espaçoso e agradável para aqueles que vos amam. Assim Seja.


       DÉCIMA PRIMEIRA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, profundíssimo abismo de misericórdia, suplico-vos em memória de vossas chagas que penetram até a medula de vossos ossos, e afligiram até vossas entranhas, que vos digneis afastar esse pobre pecador do lodaçal de ofensas em que está submerso, conduzindo-o para longe do pecado. Suplico-vos também esconder-me de vossa face irritada, ocultando-me dentro de vossas chagas, até que vossa cólera e vossa justa indignação tenham passado. Assim Seja.


       DÉCIMA SEGUNDA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, espelho de verdade, sinal de unidade, laço de caridade, lembrai-vos do inúmeros ferimentos que recebestes, desde a cabeça até os pés, ao ponto de ficardes dilacerado e coberto pela púrpura de vosso sangue adorável. Ó quão grande e universal foi a dor que sofrestes em em vossa carne virginal por nosso amor. Dulcíssimo Jesus, que poderíeis fazer por nós que não o houvésseis feito? Eu vos conjuro, ó meu Salvador, que vos digneis imprimir, com vosso precioso Sangue, todas as vossas chagas no meu coração, a fim de que eu relembre, sem cessar, vossas dores e vosso amor. Que pela fiel lembrança de vossa Paixão, o fruto dos vossos sofrimentos seja renovado em minha alma e que vosso amor vá crescendo em mim cada dia mais, até que eu me encontre finalmente convosco, que sois o tesouro de todos os bens e a fonte de todas as alegrias. Ó dulcíssimo Jesus, concedei-me poder gozar de semelhante ventura na vida eterna. Assim Seja.


       DÉCIMA TERCEIRA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, fortíssimo Leão, rei imortal e invencível, lembrai-vos da dor que vos acabrunhou quando sentistes esgotadas todas as vossas forças, tanto do coração como do corpo e inclinastes a cabeça, dizendo: Tudo está consumado. Por esta angústia e por esta dor, eu vos suplico, Senhor Jesus, que tenhais piedade de mim quando soar a minha última hora, e minha alma estiver amargurada e meu espírito cheio de aflição. Assim Seja.


       DÉCIMA QUARTA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, Filho único do Pai, esplendor e imagem da sua substância, lembrai-vos da humilde recomendação que lhes dirigistes, dizendo: Meu Pai, em vossas mãos entrego o meu espírito! Depois expirastes, estando vosso corpo despedaçado, vosso coração transpassado e as entranhas de vossa misericórdia abertas para nos resgatar! Por essa preciosa morte, eu vos conjuro, ó Rei dos Santos, que me deis força e socorrais para resistir ao demônio, à carne e ao sangue, a fim de que, estando morto para o mundo, eu possa viver somente em Vós. Na hora de minha morte, recebei, eu vos peço, minha alma peregrina e exilada, que retorna para Vós. Assim Seja.

       DÉCIMA QUINTA ORAÇÃO:

PAI-NOSSO, AVE MARIA

Ó Jesus, vide verdadeira e fecunda, lembrai-vos da abundante efusão de sangue que tão generosamente derramastes de vosso sagrado corpo, assim como a uva é triturada no lagar. Do vosso lado aberto pela lança de um dos soldados, jorraram sangue e água, de tal modo que não retivestes uma gota sequer; e, enfim, como um ramalhete de mirra, elevado na cruz, vossa carne delicada se aniquilou, feneceu o humor de vossas entranhas e secou a medula de vossos ossos. Por essa tão amarga Paixão e pela efusão de vosso precioso Sangue, eu vos suplico, ó bom Jesus, que recebais minha alma quando eu estiver em agonia. Assim Seja.

       ORAÇÃO FINAL:

Ó doce Jesus, vulnerai o meu coração a fim de que lágrimas de arrependimento, de compunção e amor, noite e dia me sirvam de alimento; convertei-me inteiramente a vós; que meu coração vos sirva de perpétua habitação; que minha conduta vos seja agradável, e que o fim de minha vida seja de tal modo edificante, que eu possa ser admitido no vosso paraíso, onde, com todos os vossos Santos, hei de vos louvar para sempre. Assim Seja.


FONTE - CANÇÃO NOVA E WEB

terça-feira, 22 de julho de 2014

Oração a Santa Maria Madalena, a primeira testemunha da Ressurreição de Jesus

Santa Maria Madalena   

video


ORAÇÃO:

Santa Maria Madalena, vós que ouvistes da boca de Jesus estas palavras: “Muito lhe foi perdoado porque muito amou... vai em paz, os teus pecados estão perdoados”, alcançai-me de Deus o perdão dos meus erros e pecados, deixai-me participar do ardente amor que inflamou o vosso coração, para que eu seja capaz de seguir a Cristo até o Calvário, se for preciso e assim, mais cedo ou mais tarde, tenha a felicidade de abraçar e beijar os pés do divino Mestre. Como Jesus ressuscitado vos chamou pelo nome: “Maria!” ele chame também pelo meu nome.., e eu nunca mais me desvie do seu amor, com recaídas nos erros do meu passado. 
Santa Maria Madalena, eu vos peço esta graça, por Cristo Nosso Senhor. 
Amém. 



FONTE - CANÇÃO NOVA  WEB

segunda-feira, 21 de julho de 2014

Oração a São Lourenço de Brindes, homem de Deus e conciliador



video


ORAÇÃO:

Senhor, que para glória do vosso nome e para salvação dos homens, destes a São Lourenço de Brindes o espírito de conselho e de fortaleza, concedei-nos o mesmo espírito, para conhecermos a vossa vontade e fielmente a cumprirmos. Por Nosso Senhor. Amém


FONTE - CANÇÃO NOVA E WEB

domingo, 20 de julho de 2014

Oração a Santo Aurélio, destava-se pela caridade, zêlo e pureza de vida





ORAÇÃO:

Diante de Vós, Senhor, apresentamos o fardo dos nossos crimes e 
simultaneamente as feridas que por causa deles recebemos. Se 
pensarmos no mal que fizemos, é bem pouco o mal que sofremos e muito 
maior o que merecemos. Foi grave o que ousamos cometer e leve o que 
agora sofremos.
Sentimos que é dura a pena do pecado e no entanto não nos decidimos 
deixar a ocasião dele. A nossa fraqueza geme esmagada sob o peso dos 
castigos com que nos punis justamente, e a nossa maldade não quer se 
desfazer dos seus caprichos. O espírito anda atormentado, mas a cerviz 
não se verga.
A nossa vida suspira no meio das dores e não nos corrigimos.
Se contemporizardes conosco, não nos emendamos, e se tirais de nós 
vingança, gritamos que não podemos. Se nos castigais, sabemos 
declarar que somos réus, mas se afastais por um pouco a Vossa ira, 
esquecemos logo o que deploramos. Se levantardes a mão, logo 
prometemos a emenda, se retirais a espada, já nos esquecemos da 
promessa. Se nos feris, gritamos que nos perdoeis, se nos perdoais logo 
entramos de Vos provocar.
Tendes-nos aqui, Senhor, diante de Vós, confessamos os nossos 
pecados; se Vos não amerceais de nós, aniquilar-nos-á a Vossa justiça.
Concedei-nos Pai onipotente, o que sem merecimento algum de nossa 
parte Vos pedimos, Vós que nos tirastes do nada.
Por Nosso Senhor Jesus Cristo. Amém.


FONTE - A12  E WEB


sábado, 19 de julho de 2014

Oração a São Simaco (Papa), era conciliador, homem de justiça e sinal de paz


video


           ORAÇÃO:


Ó grande papa São Símaco, vós que conseguiste promover a paz em vossos dias, fazei com que eu seja um agente promotor da paz!
Vede as aflições, angústias e dores que trespaçam minha alma, e vede como se faz por tão pouco, a guerra em nossos dias. Fazei, ó grande santo, que possamos sempre promover a paz e receber as graças que por vossa intercessão pedirmos a Deus pai!
Amém!



FONTE - CANÇÃO NOVA E WEB

sexta-feira, 18 de julho de 2014

Oração a São Francisco Solano


video

           ORAÇÃO:  


Deus, nosso Pai, por intercessão de São Francisco Solano, iluminai e protegei todos os missionários da América Latina. E pelo sangue de todos os nossos mártires latino-americanos, abençoai e protegei também a vossa Igreja, fazendo dela o sacramento do vosso reino de paz e de justiça entre os homens. Ouvi, pois, Senhor, esse nosso canto: Pai, ó Pai nosso, quando é que este mundo será nosso? Pai nosso, quando o mundo será nosso, dos pobres, nossos irmãos. Pai nosso, como é duro ver minha gente crucificada, pela opressão. Pai nosso, quem enxugará os prantos dos povos que não têm pão? Pai nosso, quem saciará os povos de graça e libertação? Pai nosso dessa América ferida. Ah, vida, quanta aflição. Pai nosso, quando vem a liberdade dos povos dessas nações? Pai nosso, o coração de nossa gente despedaçado quer solução. Pai nosso, a esperança do presente é igualdade, repartição. Pai nosso, quando a terra será nossa, dos pobres, das multidões? Pai nosso, quando o mundo será nosso, dos pobres, sem opressões? Amém.


FONTE - CANÇÃO NOVA E WEB